Thumbnail
2017-10-24 08:00:35

Os carros antigos que mais valorizaram nos últimos 10 anos

Carros antigos de colecionador se revelaram ótimos investimentos na última década; Kombi Corujinha lidera ranking dos mais valorizados

O antigomobilismo – paixão por carros antigos – é um hobby, mas também pode ser uma espécie menos ortodoxa de investimento. Carros de colecionador podem se valorizar, diferentemente dos carros modernos, que já começam a depreciar tão logo saem da concessionária.

Nos últimos dez anos, por sinal, carros antigos se revelaram um ótimo investimento no Brasil. Pesquisadores da Escola de Administração de Empresas de São Paulo (EAESP-FGV) fizeram um levantamento com 24 modelos de colecionador e concluíram que todos os modelos valorizaram mais que a inflação no período entre 2005-2006 e 2015-2016.

Aqueles cujos preços mais subiram chegaram a valorizar até 135% acima da taxa básica de juros, a Selic.

Foi o caso da Kombi Corujinha, anos 68 a 75, que lidera o ranking de valorização do estudo dos professores Ridolfo Neto e Luis Henrique Rigato, este último também coordenador do curso de pós-graduação lato sensu Master in Business and Management da EAESP-FGV.

O modelo que menos se valorizou, por sua vez, foi o Mustang Hard Top, anos 66 a 68, cuja valorização ficou 32,5% abaixo da Selic, mas ainda acima da inflação do período analisado.

Ranking

Veja quais foram os cinco modelos de carros antigos que mais valorizaram nos últimos dez anos, segundo o estudo da EAESP-FGV, em comparação à Selic:

1. Kombi Corujinha, anos 68 a 75

Variação acima da Selic: 135,1%

Kombi Corujinha
Kombi Corujinha. Crédito da foto: Sicnag/Wikimedia Commons

2. Dodge Charger, anos 73 a 75

Variação acima da Selic: 125,9%

Dodge Charger 1975
Dodge Charger 1975. Crédito da foto: Bull-Doser/Wikimedia Commons

3. Dodge Dart 2 portas

Variação acima da Selic: 117,7%

Dodge Dart 1970
Dodge Dart 1970. Crédito da foto: Bull-Doser/Wikimedia Commons

4. Camaro Coupê, anos 67 a 69

Variação acima da Selic: 116%

Camaro Coupé 1967
Camaro Coupé 1967. Crédito da foto: GTHO/Wikimedia Commons

5. Maverick GT V8, anos 73 a 76

Variação acima da Selic: 75,5%

Maverick GT 1974
Maverick GT 1974. Crédito da foto: Spanishdude/Wikimedia Commons

Os menos valorizados

Nos últimos lugares, com as menores valorizações, ficaram os seguintes modelos:

Menos valorizados Modelo Anos Valorização em relação à Selic
1 Mustang Hard Top 66 a 68 -32,5%
2 Mercedes SL 73 a 75 -27,8%
3 Rural Willys 68 a 70 -13,1%
4 Porsche Envemo Super 90 80 a 82 -5%
5 Camaro conversível 67 a 69 2,4%

Fonte: EAESP-FGV

O estudo indica ainda que os veículos que mais valorizaram não foram necessariamente os preferidos dos colecionadores, ou seja, os mais desejados.

Metodologia

Os dados para o levantamento foram coletados por meio de questionários respondidos por 103 colecionadores e análise de 6 mil anúncios de classificados de vendas de modelos antigos.

Os pesquisadores consideraram como modelos antigos apenas aqueles que se enquadram nas especificações da Federação Brasileira de Veículos Antigos (FBVA) para serem considerados carros de colecionador.

Isto é, ter sido fabricado há mais de 30 anos, conservar as características originais de fabricação e ter o Certificado de Originalidade reconhecido pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran). Neste post, falamos um pouco mais sobre eles.

Para termos comparativos de rendimentos em aplicações, os pesquisadores optaram pelos índices da caderneta de poupança, CDI, IGP-M e Selic durante a última década, segundo dados do Banco Central.

Em busca de um seguro auto para o seu carro. Peça já uma cotação on-line!

avatar autor

Julia Wiltgen

Jornalista responsável pelos artigos da Genial Seguros até 24/11/2017.

Cote seu seguro